17 de Julho de 2024

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > Envelhecimento saudável: saiba como ter qualidade de vida e autonomia

Envelhecimento saudável: saiba como ter qualidade de vida e autonomia

Para geriatra do Hapvida NotreDame Intermédica, mudanças de hábitos e cuidado com a saúde são os segredos para viver mais

19/01/2023 21h41 - Atualizado há 1 ano Publicado por: Redação
Envelhecimento saudável: saiba como ter qualidade de vida e autonomia

Quando se fala em terceira idade, algumas questões ganham destaque, como é o caso da saúde. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2020, a expectativa de vida no Brasil subiu para 76,8 anos. Enquanto que, na década de 1950, essa expectativa girava em torno dos 48 anos.

Segundo a médica geriatra do Hapvida NotreDame Intermédica, Manoela Castros Sales, atualmente, muitas pessoas chegam aos consultórios em busca de um envelhecimento saudável. “Houve um grande salto na longevidade do povo brasileiro”, afirma. “Mas, infelizmente, a população ainda envelhece com muita dependência. Metade dos idosos com 80 anos tem dependência funcional. Ou seja, são pessoas que precisam de ajuda para tomar banho, comer, e manter o autocuidado”, completa.

Para a especialista, promover mudanças de hábitos e ter cuidado com a saúde são os segredos para viver mais. “E, assim, envelhecer de forma saudável, com qualidade de vida e autonomia”, afirma a geriatra, que listou algumas dicas:

  1. Movimente-se: a atividade física é fundamental para manter a massa óssea, força física, massa muscular e também a cabeça funcionando. Segundo a médica, a atividade física previne demência;
  2. Socialização: uma pesquisa feita em Harvard, nos Estados Unidos, mostrou que as pessoas que viveram mais eram aquelas que tinham uma rede de apoio maior, com mais amigos e mais contato com a família. Estas eram mais felizes;
  3. Mantenha uma dieta saudável: deve-se evitar alimentos embutidos, ultraprocessados, aqueles que vêm em latas e carne vermelha. Dê preferência às carnes brancas e alimentos frescos. Frutas e verduras devem ser consumidas, pelo menos, três vezes ao dia;
  4. Hábitos saudáveis: evite o tabagismo e o etilismo. De acordo com a geriatra, cerca de 30% dos cânceres são causados por maus hábitos de vida;
  5. Controle das doenças crônicas: Se o idoso é hipertenso, diabético, tem osteoporose ou qualquer outra doença crônica, precisa fazer acompanhamento médico para ter bom controle dessas doenças e viver mais e melhor.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
plugins premium WordPress
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x