18 de Julho de 2024

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > Governo cogita cobrar mensalidade de alunos ricos nas federais, diz Jornal

Governo cogita cobrar mensalidade de alunos ricos nas federais, diz Jornal

A medida está em análise pela equipe econômica de Lula

07/07/2024 22h17 - Atualizado há 2 semanas Publicado por: Redação
Governo cogita cobrar mensalidade de alunos ricos nas federais, diz Jornal Divulgação/UFSCar

O governo federal, chefiado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), estuda cobrar mensalidade de alunos ricos, que estudam em universidades públicas federais. A medida está em análise pela equipe econômica, capitaneada pelo Ministro da Fazenda, Fernando Haddad. A informação foi divulgada pela Folha de São Paulo.

O assunto veio à tona após o governo descartar mudanças no piso de despesas com educação e corte de gastos. De acordo com relatos feitos à Folha, a iniciativa faz parte de um leque com mais de cem propostas vistas como passíveis de serem colocadas em debate, com intuito de buscar o reequilíbrio fiscal diante do compromisso de eliminar o déficit nas contas públicas.

A eventual cobrança das mensalidades teria como alvo parte do universo de 1,3 milhão de estudantes matriculados na rede federal de ensino superior, de acordo com dados do Censo da Educação Superior do Inep de 2022. Porém, a possibilidade do projeto ir para frente ainda é incerta, tendo em vista que o perfil de alunos nas universidades públicas vem mudando ao longo dos anos, com aumento da presença de pessoas de classes de maior vulnerabilidade social.

Uma eventual medida nesse sentido poderia ter impacto em São Carlos, tendo em vista que o município possui o campus da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Além disso, a notícia dessa possível proposta acontece poucos dias após o término da greve dos professores das universidades federais.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
plugins premium WordPress
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x