24 de Julho de 2024

Dólar

Euro

Cultura

Jornal Primeira Página > Notícias > Cultura > Brooke Shields revela estupro em documentário exibido em Sundance

Brooke Shields revela estupro em documentário exibido em Sundance

A atriz não revelou a identidade de seu agressor, mas disse que se encontrou com o homem, que já conhecia, após se formar na faculdade

24/01/2023 13h24 - Atualizado há 1 ano Publicado por: Redação
Brooke Shields revela estupro em documentário exibido em Sundance Foto: Reprodução

Brooke Shields revelou que foi estuprada quando era uma jovem atriz de Hollywood. A revelação foi feita no novo documentário Pretty Baby: Brooke Shields, que estreou no Festival de Cinema de Sundance.

A atriz e ex-supermodelo não revelou a identidade de seu agressor, mas disse que se encontrou com o homem – que já conhecia – logo após se formar na faculdade, acreditando ser uma reunião de trabalho para discutir sua participação em um novo filme.

Ele a levou para seu hotel alegando que chamaria um táxi para ela de seu quarto. Ao invés disso, desapareceu no banheiro antes de voltar nu e agredi-la, contou Brooke Shields.

“Não lutei tanto. Não lutei. Fiquei totalmente paralisada. Achei que meu único ‘não’ deveria ter sido suficiente. E pensei ‘fique viva e vá embora'”, lembra a atriz no documentário.

Após o incidente, Brooke Shields se lembra de ter ligado para seu amigo e chefe de segurança Gavin de Becker. “Isso é estupro”, ele disse, ao que ela respondeu: “Não estou disposta a acreditar nisso”.

Brooke Shields não havia falado publicamente sobre o incidente até agora.

Fazendo eco ao movimento MeToo, a revelação é um dos vários momentos chocantes do filme, que estreará na plataforma de streaming Hulu em duas partes.

A primeira parte examina a intensa sexualização que Brooke Shields experimentou quando criança, incluindo uma provocante sessão de fotos nua aos 10 anos, e sua aparição como prostituta infantil no filme Menina Bonita, aos 11.

O documentário mostra uma jovem Brooke Shields sendo submetida a perguntas obscenas de jornalistas muito mais velhos do que ela sobre seus papéis em filmes como A Lagoa Azul e Amor sem fim, além da série de polêmicos comerciais de jeans da Calvin Klein em que ela estrelou.

Após alcançar a fama mundial na adolescência, Brooke Shields frequentou a Universidade de Princeton, inicialmente tendo dificuldade em encontrar papéis de atriz novamente após a formatura, o que a levou a um encontro com seu suposto estuprador.

O documentário, que rendeu a Brooke Shields aplausos de pé em sua estreia em Sundance, também narra a subsequente obsessão da mídia com sua virgindade, o alcoolismo de sua mãe e seu primeiro casamento, com o astro do tênis Andre Agassi.

Brooke Shields, de 57 anos, disse que “sentiu que era o momento certo da minha vida” para se envolver em um documentário. “A indústria em que eu estava prepara você para ser excluído e eu não queria me perder nisso. Não queria me tornar essa vítima.”

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
plugins premium WordPress
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x