21 de Fevereiro de 2024

Dólar

Euro

Esporte

Jornal Primeira Página > Notícias > Esporte > Corinthians se despede de Léo Santos e Jonathan Cafú após série de empréstimos

Corinthians se despede de Léo Santos e Jonathan Cafú após série de empréstimos

O Corinthians passa a ser comandado oficialmente por Augusto Melo, que venceu as eleições presidenciais contra André Negão

02/01/2024 11h40 - Atualizado há 2 meses Publicado por: Redação
Corinthians se despede de Léo Santos e Jonathan Cafú após série de empréstimos Foto: Agência Corinthians / Reprodução

Reportagem: Estadão Conteúdo

O Corinthians não tem mais vínculo com o zagueiro Léo Santos e o atacante Jonathan Cafú, cujos contratos se encerraram no dia 31 de dezembro. Depois de algumas temporadas sendo emprestados a outros times, os dois jogadores não foram considerados para a reformulação do elenco, promovida pela nova diretoria junto ao técnico Mano Menezes, e, sem nenhum movimento em direção à renovação contratual, deixaram a equipe oficialmente.

Léo Santos fez as categorias de base no Corinthians. O primeiro jogo como profissional foi em 2016, mas ele só passou a ser mais aproveitado em 2018, temporada em que disputou 28 partidas. No ano seguinte, foi para o Fluminense e também não teve espaço. Chegou a voltar ao Parque São Jorge, mas logo emplacou uma sequência de empréstimos para Ponte, Ferroviária e, por último, Cuiabá.

Jonathan Cafú, por sua vez, foi contratado pela diretoria corintiana em 2020 e fez apenas três jogos antes de ser emprestado ao Cuiabá, clube que defendeu de 2021 a 2023. Após o fim do Brasileirão, o clube mato-grossense iniciou uma negociação para assinar um contrato definitivo com o atacante, mas ainda não houve nenhum acordo formalizado.

O Corinthians passa a ser comandado oficialmente por Augusto Melo, que venceu as eleições presidenciais contra André Negão, candidato da chapa do agora ex-presidente Duílio Monteiro Alves. Ainda sem nenhum anúncio de reforço, mas com contratações acertadas, a nova gestão se desfez de vários jogadores que tinham contrato apenas até o final de 2023, caso do aposentado Fábio Santos e Gil, Giuliano, Renato Augusto, Cantillo e Bruno Méndez.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x