29 de Fevereiro de 2024

Dólar

Euro

Esporte

Jornal Primeira Página > Notícias > Esporte > Everton entra com recurso para tentar evitar maior punição da história da Premier League

Everton entra com recurso para tentar evitar maior punição da história da Premier League

O time de Liverpool foi sancionado há duas semanas com a perda de 10 pontos na tabela do Campeonato Inglês

02/12/2023 14h20 - Atualizado há 3 meses Publicado por: Redação
Everton entra com recurso para tentar evitar maior punição da história da Premier League Foto: Premier League / Reprodução
Reportagem: Estadão Conteúdo

A direção do Everton apresentou recurso na sexta-feira (1º) para tentar evitar a maior punição já aplicada a um clube inglês na Era Premier League. O time de Liverpool foi sancionado há duas semanas com a perda de 10 pontos na tabela do Campeonato Inglês por supostamente violar regras de sustentabilidade financeira, espécie de Fair Play Financeiro do futebol da Inglaterra.

“O Everton apresentou hoje um recurso no painel judicial da Premier League em apelo contra a decisão tomada por comissão da Premier League para impor punição de 10 pontos ao clube”, informou o clube d Liverpool. “Agora uma comissão será formada para ouvir o caso.”

Logo após o anúncio da sanção, o clube já havia criticado a decisão por considerar uma “punição completamente desproporcional e injusta do ponto de vista esportivo”. E afirmara que a direção do Everton não reconhecia o resultado da investigação.

A sanção foi aplicada pela Premier League, como é chamado o Campeonato Inglês desde que passou por uma reformulação de sistema em 1992, após investigação realizada por uma comissão independente nomeada pela organização da liga.

Ao longo dos últimos três anos, o Everton teve um prejuízo de 372 milhões de libras (cerca de R$ 2,2 bilhões), valor acima do teto estabelecido pelas regras de rentabilidade e sustentabilidade da Premier League, que determinam a quantia de 105 milhões de libras (R$ 638,2 milhões) como o déficit máximo que um clube pode apresentar em um triênio. O clube foi colocado sob investigação da comissão independente em março, após suspeitas levantadas por clubes rivais. Em outubro, dirigentes foram ouvidos durante cinco dias de audiência.

A perda de 10 pontos derrubara o time para a zona de rebaixamento, para o penúltimo lugar, colocando em risco a permanência do clube na primeira divisão – feito que sustenta há 70 anos. Antes da punição, o Everton era o 14º colocado da tabela, com 14 pontos.

O Everton afirmou que vai monitorar “com grande interesse” as decisões que serão tomadas em relação a outros casos de violações financeiras na Premier League. O atual campeão Manchester City e o Chelsea, por exemplo, também foram acusados, neste ano, de não respeitarem as regras de rentabilidade e sustentabilidade da liga inglesa.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x