25 de Fevereiro de 2024

Dólar

Euro

Internacionais

Jornal Primeira Página > Notícias > Internacionais > Avião Boeing 737 MAX cuja porta explodiu tinha 4 parafusos faltando

Avião Boeing 737 MAX cuja porta explodiu tinha 4 parafusos faltando

Os parafusos parecem ter sido deixados de fora depois que a Boeing e um de seus fornecedores realizaram ajustes na fuselagem do avião

07/02/2024 07h47 - Atualizado há 3 semanas Publicado por: Redação
Avião Boeing 737 MAX cuja porta explodiu tinha 4 parafusos faltando Foto: Arte / Jornal Primeira Página

Reportagem: Estadão Conteúdo

Um relatório do Conselho Nacional de Segurança nos Transportes (NTSB, na sigla em inglês) dos EUA identificou que quatro parafusos necessários para manter no lugar a porta de um avião Boeing 737 MAX, da Alaska Airlines, estavam faltando antes da explosão de 5 de janeiro.

Os investigadores do acidente disseram em um documento preliminar, divulgado, que a ausência de “danos ou deformação por contato” em torno de certos buracos “indica que os quatro parafusos que impedem o movimento ascendente do plugue da porta estavam faltando” antes de ele voar para fora da aeronave.

Os parafusos parecem ter sido deixados de fora depois que a Boeing e um de seus fornecedores realizaram ajustes na fuselagem do avião, logo após sua chegada à fábrica da Boeing em Renton, Washington, disse o relatório do NTSB.

Na ocasião, o plug da porta teve que ser aberto para que substituíssem rebites danificados identificados em 1º de setembro, um dia após a chegada da fuselagem, ainda segundo o NTSB. Para abrir o tampão, os quatro parafusos tiveram que ser removidos.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x