14 de Julho de 2024

Dólar

Euro

Política

Jornal Primeira Página > Notícias > Política > Região tem políticos envolvidos em escândalos graves

Região tem políticos envolvidos em escândalos graves

Em Jaú, três vereadores foram afastados após operação do GAECO

08/07/2024 14h58 - Atualizado há 6 dias Publicado por: Redação
Região tem políticos envolvidos em escândalos graves

A região está com clima quente, com políticos envolvidos em escândalos graves. Em Jaú, três vereadores foram afastados após operação do GAECO. Já em Analândia, uma denúncia de uso do carro oficial para visitas a um presídio.

Batizada de Terra Roxa, uma operação conduzida pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) nesta sexta-feira (5/7) em Jaú cumpriu 26 mandados de busca e apreensão no âmbito de investigação sobre uma possível organização criminosa. Os trabalhos levaram ainda ao afastamento de três vereadores (José Carlos Borgo (PDT), Luiz Henrique Chupeta (PP) e Mateus Turini (PDT)) e dois servidores da prefeitura. Houve ainda a imposição de medidas cautelares diversas da prisão a nove investigados.

A operação foi realizada com apoio da Polícia Militar mirando na suposta prática de crimes de corrupções ativa e passiva, falsificação de documentos públicos, adulteração de sistemas de informações da Administração Pública e sonegação fiscal, dentre outros, para fins de facilitar negócios empresariais possivelmente espúrios e conduzidos por integrantes de grupo econômico.

Nove promotores de Justiça, 15 servidores do Ministério Público e aproximadamente 80 policiais militares, integrantes do Batalhão de Ações Especiais de Polícia (BAEP) e da Força Tática, participaram das diligências. As investigações prosseguem para a completa elucidação dos fatos.

ANALÂNDIA-O vereador José Luiz Vivaldini compareceu à delegacia para registrar um boletim de ocorrência, no qual denuncia o uso do veículo Chevrolet/SPIN, da Prefeitura Municipal, normalmente utilizado pelo setor de desenvolvimento social, se deslocando para o município de Jardinópolis (SP) no sábado, 8 de junho. De acordo com a denúncia do parlamentar, o carro teria sido usado para conduzir uma moradora de Analândia para visitar seu filho, que se encontra no Centro de Detenção Provisória de Jardinópolis, que fica 187 km de distância. O caso será apurado.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
plugins premium WordPress
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x