28 de Fevereiro de 2024

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > 23 mil alunos voltam às aulas no dia 15

23 mil alunos voltam às aulas no dia 15

Ensino técnico ganha força na rede estadual e, pela 1ª vez, estudantes participarão do Provão Paulista Seriado

07/02/2024 21h54 - Atualizado há 3 semanas Publicado por: Redação
23 mil alunos voltam às aulas no dia 15 Divulgação

Ano letivo prosseguirá até 17 de dezembro

 

Um total de 23 mil estudantes de 34 escolas espalhadas por todas as regiões do Município, voltará às aulas na rede estadual de ensino no dia 15 de fevereiro, na quinta-feira logo após o Carnaval 2024. O ano letivo seguirá até o dia 17 de dezembro.

O processo de matrícula e rematrícula já foi finalizado com publicação das transferências. A partir de 15 de fevereiro, a Secretaria Escolar Digital (SED) estará aberta para inscrição dos interessados na transferência de escola.

“Para os professores, estamos priorizando a formação entre pares com um grande programa ofertado pela Efape (Escola de Formação de Professores e Profissionais da Educação), o Multiplica SP, que é voltado para todos os professores como cursistas e será ofertado para os efetivos e estáveis a oportunidade de ser formador Efape. Estamos muito animados com esse formato de formação”, explica a dirigente regional de Ensino, Débora Gonzalez Costa Blanco.

Neste ano, como novidade no ensino público estadual, teremos o início dos cursos técnicos com modelo próprio, oferecido e idealizado pela Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP). Em São Carlos, as escolas que oferecerão cursos técnicos são: EE Gabriel Félix do Amaral, EE Atillia P. Margarido, PEI Luiz Viviani, EE Arlindo Bittencourt, EE Orlando Perez, PEI Jesuíno de Arruda. PEI José Juliano Neto, EE João Jacinto, EE Joaquim Toledo, EE Luciano Ivo, EE Pirajá da Silva.

“Nossos estudantes estão ingressando nas universidades públicas paulistas neste ano, pela primeira vez, por meio do Provão Paulista Seriado. É uma avaliação que amplia o acesso dos alunos das redes públicas às melhores universidades do país”, ressalta Débora.

Segundo ela, outra novidade é a Nova Matriz Curricular. A partir da escuta realizada com estudantes e profissionais da educação, a Seduc-SP simplificou a oferta de itinerários formativos do Ensino Médio — de 12 para 3 itinerários formativos, incluindo o Ensino Técnico — e ampliou a carga horária das disciplinas de matemática, língua portuguesa, física, geografia e história.

Os anos finais do Ensino Fundamental contam com mudanças que visam a recuperação da defasagem educacional. Entre elas, os estudantes vão ter duas aulas semanais de orientação de estudos e as aulas de tecnologia e inovação passam de uma para duas aulas por semana.

Neste ano, também foram incluídas aulas de educação financeira tanto para estudantes dos 8º e 9º anos do Ensino Fundamental quanto para os do Ensino Médio.

27 MIL ALUNOS EM 7 MUNICÍPIOS

A Diretoria de Ensino de São Carlos conta 27 mil alunos matriculados, estudando em 46 escolas, sendo 19 do Programa Ensino Integral, em 7 munícipios: Ibaté, Rib. Bonito Dourado, Itirapina, Descalvado e Corumbataí. Na cidade de São Carlos, são 23 mil alunos matriculados em 34 escolas.

Débora relata que a presença de um grupo de alunos da Escola Estadual Sebastião de Oliveira Rocha na COP 2023, no Oriente Médio, no ano passado, não foi um fato isolado na produção científica dos estudantes. “Em 2023, muitas escolas receberam prêmios em concursos, participaram de Olimpíadas com grande quantidade de medalhas. Nossa Feira de Ciências contou com 300 Clubes de Ciências que apresentaram suas pesquisas e concorreram a editais no Estado de São Paulo e até no exterior, que foi o caso da escola Sebastião de Oliveira Rocha, única escola do Brasil a ser selecionada na COP 28. Nessa linha, vamos manter nosso Programa de Educação Ambiental em parceria com o Ministério Público e fortalecer as ações estabelecida no Selo Lobo Guará. Outra inciativa é fortalecer nossas parcerias com a USP, CDCC, UFSCAR que são nossos grandes parceiros”, explica a dirigente.

 

 

 

INOVAÇÃO

Escolas adotam novas tecnologias

No quesito tecnologia, segundo Débora, as escolas poderão contar com diversas plataformas oferecidas pela Seduc-SP como recurso complementar para o professor e desenvolvimento dos estudantes, com o intuito de melhorar a qualidade do ensino aprendizagem. Tivemos um aumento na conexão e equipamentos em nossas escolas.

“No ano passado, já demos um importante passo para que as aulas sejam mais modernas, atrativas e eficientes para todos os estudantes, com a introdução de seis plataformas educacionais. São duas de matemática: Matfic e Khan Academy; a Alura, de programação; a Tarefa SP para lições de casa; a Prepara SP, que fortalece o aprendizado de temas do Enem e outros vestibulares; e a Redação Paulista, que pretende ampliar a capacidade e o desenvolvimento da escrita dos estudantes”, destaca Débora.

De acordo com ela, outra inovação importante foi a implementação do aplicativo Diário de Classe SP e do painel Aluno Presente, utilizados para registro e acompanhamento diário da frequência dos alunos.

Ela esclarece ainda que os professores também serão beneficiados com as inovações. “A plataforma Redação Paulista foi aprimorada e agora os professores terão a assistente de correção virtual para agilizar e facilitar essas revisões. Assim que subirem seus textos na plataforma, os alunos contam com o auxílio de um corretor ortográfico e gramatical. Para fazer as mudanças necessárias no texto, eles precisam reescrever, eliminar as falhas e enviar a redação ao professor. Quando o docente recebe o texto, a plataforma aponta automaticamente se foram seguidos os critérios avaliativos obrigatórios, como coerência, argumentação e adesão ao tema. Cada um desses tópicos deve ser validado pelo professor, a quem cabe a palavra final sobre a redação, inclusive a nota”, enfatiza a dirigente.

Em tempos de ebook e kindle, as bibliotecas também ganharão uma nova cara. “Para 2024, além da sala de leitura que as escolas já possuem, teremos a implantação da LEIA, plataforma que contará com uma grande diversidade de títulos para incentivar e despertar o gosto da leitura dos nossos estudantes”, conclui Débora.

 

AS ESCOLAS ESTADUAIS E OS CURSOS TÉCNICOS DISPONÍVEIS

 

ESCOLA                                                  Cursos

EE LUCIANO IVO TOGNETTI PROF.   Administração

EE JOÃO JACINTO DO NASCIMENTO Parceria Paula Souza   Logística

EE JOAQUIM DE TOLEDO CAMARGO         Administração/Logística

EE PIRAJA DA SILVA DOUTOR               Vendas

EE ARLINDO BITTENCOURT PROF Parceria Paula Souza       Administração/Logística

EE ATTILIA PRADO MARGARIDO  Parceria Paula Souza        Desen. de Sist./Logística

EE GABRIEL FELIX DO AMARAL PROF Parceria  Paula Souza        Administração

EE JESUINO DE ARRUDA  Logística/Vendas

EE JOSE JULIANO NETO PROF  Administração

EE ORLANDO PEREZ PROFESSOR     Administração/Vendas

EE PROFESSOR LUIZ VIVIANI FILHO Parceria Paula Souza    Logística

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x