16 de Junho de 2024

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > Campanha de vacinação

Campanha de vacinação

O Dia “D” será em 8 de junho e o objetivo é proteger as crianças menores de cinco anos

29/05/2024 00h17 - Atualizado há 3 semanas Publicado por: Redação
Campanha de vacinação foto: Divulgação

DA REDAÇÃO 

A Secretaria Municipal de Saúde realiza até o próximo dia 14 de junho a Campanha de Vacinação contra a Poliomielite, doença também conhecida como Pólio ou Paralisia Infantil. O Dia “D” será em 8 de junho e o objetivo é proteger as crianças menores de cinco anos contra a doença e ampliar a cobertura vacinal no estado.

O país está em processo de transição para a substituição das duas doses de reforço da vacina oral poliomielite (VOP) para um reforço com vacina inativada poliomielite (VIP). Esta será a última Campanha com a vacina oral da Pólio.

A poliomielite é uma doença contagiosa aguda, caracterizada pela contaminação pelo poliovírus que pode causar paralisia muscular dos membros inferiores, de forma assimétrica e irreversível, em casos graves podendo evoluir a óbito, sendo a vacinação a principal forma de prevenção.

Não temos a confirmação de casos de Poliomielite no estado de São Paulo desde 1988. No Brasil o último caso confirmado foi em 1989. A vacina é fundamental para que não tenhamos a reintrodução da Pólio através de casos importados, um cenário que nos preocupa frente as últimas ocorrências em 2022/2023 com a detecção de casos no Peru, identificação de pólio vírus no esgoto do Reino Unido e a confirmação de um caso jovem nos Estados Unidos. A importância da vacinação, além de proteger nossas crianças, contribui no processo de erradicação da Poliomielite.

A meta é imunizar 95% das crianças entre um e menores de cinco anos de idade. Nos anos anteriores, a cobertura vacinal no município foi de 75% em 2022, já em 2023 tivemos um aumento para 80%, de acordo com o Painel de Monitoramento da Coberturas Vacinais do Ministério da Saúde.

“Atualmente observamos uma retomada das coberturas vacinais de nossas crianças, o município registra a cobertura vacinal de 86% em menores de 1 ano. Por isso é essencial a participação de todas as crianças menores de cinco anos de idade”, ressalta a diretora de Vigilância em Saúde, Denise Martins.

São Carlos recebeu o certificado e reconhecimento do Governo do Estado de São Paulo pelo alcance do indicador anual preconizado de taxa de notificação de Paralisias Flácidas Agudas/Poliomielite, de 1 caso por 100.000 habitantes em menores de 15 anos, como município notificador e de residência.

A imunização acontece em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) e Unidades de Saúde da Família (USF’s), das 7h30 às 16h30, exceto na UBS da Vila São José e na UBS do Botafogo, que estão em reforma. Os pais devem levar a caderneta de vacinação da criança.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x