15 de Abril de 2024

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > Comerciantes relatam ameaças devido a imóvel sublocado

Comerciantes relatam ameaças devido a imóvel sublocado

06/03/2024 18h14 - Atualizado há 1 mês Publicado por: Redação
Comerciantes relatam ameaças devido a imóvel sublocado

A Secretaria Municipal de Segurança Pública promoveu na tarde de quarta-feira (6), no Paço Municipal, uma reunião com comerciantes estabelecidos na rua Sete de Setembro no trecho entre as ruas Dona Alexandrina e São Joaquim.

Os comerciantes participaram da reunião para relatar ocorrências de ameaças, furtos de fios, uso de drogas, prostituição e sublocação de um imóvel localizado próximo a Câmara Municipal.

O secretário de Segurança Pública, Samir Gardini, ressalta que têm ocorrido danos aos imóveis próximos, muitas pessoas suspeitas abordando clientes e comerciantes das lojas estabelecidas na via, além de dejetos encontrados na rua, causando sensação de insegurança para todos da região.

“Nos enquanto Secretaria de Segurança Pública temos um limite de ação dentro da lei, porém recebemos esses comerciantes que geram emprego e pedimos uma reunião com a Policia Militar, Policia Civil, Guarda Municipal, coletamos as informações e vamos elaborar a documentação para abrirmos um processo administrativo interno, juntando o abaixo assinado e os boletins de ocorrência”, relatou Gardini.

Ainda de acordo com o secretário o local possui um imóvel ocupado de forma precária que possivelmente é o polo gerador das denúncias de traficância, prostituição com locação de quartos e abrigo para materiais furtados.

“Vamos reunir todo o material possível, já fiz contato com a fiscalização da Prefeitura para analisarmos a situação imobiliária dessa residência, identificar o responsável, bem como montar uma operação multidisciplinar, uma vez que o caso envolve a Vigilância Sanitária, bem como possível furto de energia”, aponta o secretário.

Foi solicitado também apoio da Policia Militar para realizar rondas no período noturno. A câmera de monitoramento da Guarda Municipal também será direcionada para esse imóvel.

“Os comerciantes agradeceram a iniciativa da Prefeitura, das policias militar e civil e da Guarda Municipal e sentiram confiança na medida que vai ser tomada, já que estão enfrentando uma situação muito difícil e nós temos que ajudar”, finalizou Gardini.

Também participaram da reunião Osmar Ferro, investigador chefe da Policia Civil, o Major PM Gonçalves da Policia Militar e Michel Yabuki, comandante da Guarda Municipal.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x