22 de Abril de 2024

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > Viúva de jovem morto após suspeita de negligência médica promete Justiça

Viúva de jovem morto após suspeita de negligência médica promete Justiça

08/06/2019 10h49 - Atualizado há 5 anos Publicado por: Redação
Viúva de jovem morto após suspeita de negligência médica promete Justiça

Em postagem nas redes sociais Taline Rayner afirma que morte de marido não ficará impune e irá buscar a punição dos culpados

Taline Rayner , viúva de Leonardo Rayner Mendonça dos Santos, 22, publicou neste sábado pelas redes sociais uma declaração onde pede Justiça. Ela escreveu: “Vamos fazer justiça amor, eu te juro”. Com esta frase ela demostra claramente que irá lutar na Justiça para provar que ocorreu negligência e erro médico no atendimento do seu marido. Leonardo foi enterrado na manhã deste sábado no cemitério Nossa Senhora do Carmo.
Na sexta-feira Taline já havia publicado mensagens emocionantes e que tiveram grande repercussão. “Oh meu amor, eu prometo que isso não vai ficar impune assim. Eu vou lutar com unhas e dentes para achar o culpado. Não vou te trazer de volta, mas também não irei deixar mais vítimas. Que você tenha um encontro maravilhoso com Deus. Amor descanse em paz, minha vida, te amarei para sempre”, escreveu.
Em mais uma postagem, a viúva de Leonardo escreveu: “E a minha vida se foi. O meu alicerce, a minha base minha razão de viver se foi quando você partiu. Eu sei que você está nos braços do Pai. Anjo meu, mais dói muito ficar sem ti, sem teu abraço, sem teu sorriso. Te amarei até o mundo acabar. Leeo Rayner minha vida”.
O CASO – Mais um suposto caso de negligência médica é registrado em São Carlos. A família de Leonardo Rayner Mendonça dos Santos, 22, afirma que erro médico causou a morte do jovem. As primeiras informações apontam para embolia pulmonar ocasionada por fratura em uma das pernas.
De acordo com uma tia da vítima, identificada como Dirce, não existiu uma análise e um cuidado correto com Leonardo, o que ocasionou a sua morte. A tia explica que o jovem estava em um jogo de futebol quando sofreu um ferimento no pé. Este fato ocorreu há 20 dias. “Ele foi na UPA e fez um raio-x. O médico disse que era apenas uma luxação e o encaminharam para colocar uma tala na perna. Ele esteve na Santa Casa onde colocaram o imobilizador”, conta.
Leonardo, segundo os familiares, continua com dor intensa e febre. Com o seu quadro se agravando o jovem foi até a Santa Casa de Misericórdia e o médico plantonista, o mesmo que o atendeu na UPA, segundo os familiares se recusou a prestar socorro. “Ele não quis atendê-lo na Santa Casa, houve uma discussão e chamamos a Polícia e fizeram um BO contra o médico. O médico tirou sarro da minha sobrinha”, disse dona Dirce.
Após a discussão, uma médica atendeu Leonardo e solicitou um novo raio-x onde se constatou a fratura. Porém os familiares afirmam que a perna e o pé da vítima estava roxo e não ministraram nenhum medicamento, apenas engessaram a perna. “Uma médica fez um raio-x e viu que estava quebrado e o pé estava roxo. Engessaram a perna e o gesso esfarelou. Ele reclamando de muita dor e ao invés de fazerem algum exame engessaram de novo e mandaram para casa”, contou dona Dirce.
Na madrugada desta sexta-feira (7) Leonardo Rayner Mendonça dos Santos passou muito mal e retornou à Santa Casa. Com falta de ar e fortes dores, durante o atendimento foi informado que ele estaria com pneumonia e após aplicação de uma injeção, Leonardo passou a vomitar e teve uma embolia pulmonar e morreu.
“Eles constataram que ele teve uma embolia pulmonar por causa da fratura. Os médicos não cuidaram direito e olha agora, estávamos enterrando um menino lindo, trabalhador e lutador.
CASAMENTO – Segundo dona Dirce, tia de Leonardo, o jovem casou há quatro meses e estava feliz e realizado. “O sonho dele era casar, ter filhos. Estava em um momento muito feliz na vida. Tudo se encaminha. E por causa de uma negligência uma vida foi tirada. Isso tem que ser apurado”, disse.
SANTA CASA – Em nota a Santa Casa de São Carlos afirmou que irá apurar com todo o rigor os fatos. Veja a nota completa:
“A Santa Casa de São Carlos lamenta o ocorrido e externa os sinceros sentimentos à família.
Diante do caso do paciente Leonardo Rayner Mendonça dos Santos, a Santa Casa abrirá sindicância para apurar os fatos e tomara as medidas necessárias, após consolidar as informações”.
PREFEITURA – A Secretaria Municipal de Saúde, através do secretário Marcos Palermo, informou que irá abrir uma sindicância para apurar o atendimento recebido por Leonardo na UPA.

Matéria: Jeferson Vieira.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x