26 de Maio de 2024

Dólar

Euro

Cultura

Jornal Primeira Página > Notícias > Cultura > Oito Pontos de Cultura terão suporte para colocar em prática seus projetos

Oito Pontos de Cultura terão suporte para colocar em prática seus projetos

31/03/2012 09h12 - Atualizado há 12 anos Publicado por: Redação
Oito Pontos de Cultura terão suporte para colocar em prática seus projetos

Neste mês de março foi lançado na cidade a Rede Municipal de Pontos de Cultura, através de um acordo firmado entre a Prefeitura e o Ministério da Cultura. Dentro do projeto estão conveniadas oito entidades que receberão o valor de R$ 180 mil em três anos para desenvolverem seus projetos culturais, dentro do que cada uma propõe.

Este edital tem por objetivo apoiar por meio de repasse de recursos financeiros do Programa Mais Cultura – Pontos de Cultura, projetos de entidades da sociedade civil, pessoas jurídicas de direito privado de fins não econômicos, de caráter cultural ou com histórico de atividades culturais, que atuem na produção artístico-cultural há pelo menos dois anos. O Ponto de Cultura deverá funcionar como um instrumento de pulsão e articulação de ações e projetos já existentes no município.

A coordenadora de Artes e Cultura de São Carlos, Telma Olivieri, conta como foi o processo de seleção para chegar ao resultado final de oito entidades. “O processo de seleção foi composto por três analises diferentes: a análise dos documentos, que foi realizada por uma comissão designada para este fim, formada, por pelo menos, três membros, sendo dois indicados pela Coordenadoria de Artes e Cultura e pelo Conselho Municipal de Cultura. Avaliação técnica do projeto, que foi realizada por uma comissão composta por tres membros, sendo um representante da Coordenadoria de Artes e Cultura, um do Conselho Municipal de Cultura representando a sociedade civil, e outro do Ministério da Cultura. Por fim a análise de mérito que contou com no mínimo três membros, sendo que um era representante da Prefeitura Municipal e um do Ministério da Cultura”.

Cada entidade receberá o repasse de R$ 180 mil, divididos em R$ 60 mil por ano, totalizando R$ 1.440.000,00 milhões ao todo, sendo que R$ 720 mil da Prefeitura Municipal e R$ 720 mil do Ministério da Cultura. Cada entidade tem o período de um ano para usar a verba e ao final de cada ano, deverá prestar contas sobre o uso do dinheiro. Para Telma Olivieri o projeto traz benefícios para a cultura de São Carlos. “As instituições vão poder realizar seus projetos e atender a população. Esse projeto veio para fortalecer ainda mais a cultura de nossa cidade. Lembrando que todos os projetos possuem características muito diferentes, isso mostra não só a diversidade cultural da nossa cidade, mas dos projetos que são distribuídos por eles”.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
2 Comentários
Mais antigas
Mais novos Mais Votados
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
alberto
alberto
12 anos atrás

Interessante em 12 anos de Pt nao se criou dentro da secretaria da cultura uma festa que desperte atenção das pessoas e tragam turistas para a cidade…… Petrobras ,banco do Brasil as empresas de telefonia e outras mais ,sao as que mais liberam dinheiro para eventos, só aqui que nao se tem projetos de longo prazo…Tal negocio colocam gente com visão limitada e que que só fazem eventos por gosto próprio e somos obrigados a engolir eventos amadores..

RMello
RMello
12 anos atrás

” Ainda somos muito centelhas perante o que a nossa mente é capaz de suportar,
os ruídos , os suspiros e os pensamentos a ecoar,
são infinitamente insignificantes
aos cortes, passagens e
explosões de sentidos a
cada olhar.” RMello

Então, gostaria de Parabenizar aos oito Pontos de Cultura escolhidos e responsáveis pela plena manifestação Artística de São Carlos-SP e desejar-lhes muita inspiração , saúde e sucessos em suas empreeitadas na Arte, mas , infelizmente o Sistema de Liberação de Verbas existentes na Cultura adotado respectivamente, pela Prefeitura Municipal de São Carlos-SP e Ministério da Cultura do governo Brasileiro, sediado em Brasília-DF, Priva pela EXCLUSÃO de Pessoas Físicas perante à Lei Brasileira, ou seja , Artistas Plásticos, Poetas, Atores ( Atrizes), Bailarinos (as), Músicos (em todos estilos), Maestros, Escritores e Compositores de poderem Participar dos Processos de Requerer Verbas e Bolsas Existentes na Cultura no Brasil , ou seja , deixa claro a toda população Brasileira a falta de respeito e valorização a todas as Pessoas Físicas perante à Lei ,ao qual, em sua realidade de vida , o Cosmos ,concedeu o Dom e a Condição de nascerem Artistas Plásticos, Poetas, Atores ( Atrizes), Bailarinos (as), Músicos (em todos estilos), Maestros, Escritores e Compositores , a não poderem Existir e manifestar os seus interesses em candidatar-se a Verbas existentes na Cultura no Brasil , sem estarem ligados a qualquer Ponto de Cultura existente em nossa sociedade Tupiniquim, então , em território Brasileiro há Democracia ou será que estamos em DITADURA CONTEMPORÂNEA ?
Através deste Comentário acima,MANIFESTO a minha Filosofia e Reinvindicação de Haver a inserção imediata da possibilidade de Pessoas Físicas perante à Lei Brasileira,com produção Cultural comprovada na sociedade brasileira, em Poder Participar de todos os Processos de Liberação de VERBAS E BOLSAS na Cultura existentes, em todos os Planos de Governo Federal , Estadual e Municipal no BRASIL .
Desde o presente momento, desejos de saúde e felicidades a toda sociedade sãocarlense e Artistas Plásticos, Poetas, Atores ( Atrizes), Bailarinos (as), Músicos (em todos estilos), Maestros, Escritores e Compositores de todo Brasil , orfãos do Sistema Político e Administrativo do Poder Federal, Estadual e Municipal do Brasil.

Meu nome é Rodrigo Mello, Poeta e Artista Plástico sãocarlense,desenvolvo Poemas e obras abstracionistas bidimensionais e tridimensionais, enfocando a energia e espiritualidade na Arte, além de lutar pela instalação de Centros Culturais em toda rede de ensino público e privado brasileiro com meu Projeto ” COR E MAGIA”. Cadastrado como Artista Plástico e Expositor em : Centro Cultural Candido Mendes – Rio de Janeiro – RJ,Instituto de Arte e Educação Laudardale House- Londres-Inglaterra, MARP – Museu de Arte de Ribeirão Preto- Pedro Manuel Gismondi,The Fruitmarket Gallery – Edinburgo- Escócia entre outros…

0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x