17 de Abril de 2024

Dólar

Euro

Cultura

Jornal Primeira Página > Notícias > Cultura > ”VOLTO AO JARDIM” celebra arte de seis mulheres brasileiras no Museu de Arte Sacra

”VOLTO AO JARDIM” celebra arte de seis mulheres brasileiras no Museu de Arte Sacra

A mostra, como o mesmo título da música de Cartola ‘As Rosas não Falam’, reconhecida amplamente

06/08/2023 08h43 - Atualizado há 9 meses Publicado por: Redação
”VOLTO AO JARDIM” celebra arte de seis mulheres brasileiras no Museu de Arte Sacra

O Museu de Arte Sacra de São Paulo (MAS.SP), instituição da Secretaria da Cultura, Economia e Indústria Criativas do Estado de São Paulo, inaugura a exposição coletiva VOLTO AO JARDIM, com trabalhos de Carla Fonseca, Julia Bac, Lidia Lisbôa, Nathalie Nery, Paula Scavazzini, Yasmin Guimarães, artistas brasileiras emergentes, que exploram a conexão com a natureza e a beleza dos jardins, proporcionando reflexões sobre tempos incertos e os encantos naturais da vida.. Sob curadoria de Simon Watson, a abertura ocorre no dia 5 de agosto – sábado, às 11hs.

A mostra, como o mesmo título da música de Cartola ‘As Rosas não Falam’, reconhecida amplamente na versão gravada por Beth Carvalho, inclui estrofe que conduz o conceito da exposição:

Volto ao jardim, 

Com a certeza que devo chorar, 

Pois bem sei que não queres voltar, 

Para mim, 

Queixo-me às rosas, 

Que bobagem as rosas não falam, 

Simplesmente as rosas exalam…”

“As obras das artistas podem ser compreendidas como mensagens de envolvimento com o mundo natural, de belos jardins e esperança em tempos incertos. E, como na letra da música, esta é uma exibição com sensações doces e amargas. Expostas no inverno, as obras estão  diretamente ligadas aos ciclos da vida, aos encerramentos e recomeços: uma metáfora do nascimento e da renovação, bem como um gesto de abraço ao equilíbrio da natureza”, diz o curador.

A exposição ocupa dois espaços distintos nas instalações do MAS.SP: uma das salas de exposições temporárias da instituição e os jardins internos. Todos os trabalhos estão sendo criados pelas artistas on-site (no local), no MAS.SP e, desta forma, dialogam com esse exemplar do Patrimônio Histórico Brasileiro. A instituição se encontra instalada em uma área pertencente ao Mosteiro da Luz, da Ordem da Imaculada Conceição – Congregação das Irmãs Concepcionistas, circundado por jardins e um sítio conventual. Esse prédio é um exemplar raro de arquitetura histórica colonial do Brasil.

“VOLTO AO JARDIM” é uma jornada de contemplação que abraça os ciclos da vida, simbolizando o nascimento e a renovação. A exposição celebra o talento e a criatividade de seis artistas mulheres brasileiras emergentes, cujas obras revelam uma profunda conexão com a natureza e a harmonia do mundo natural.

“O Museu de Arte Sacra é constantemente reavivado por seus visitantes e por artistas contemporâneos que fazem trabalhos on-site, que dialogam com a tranquilidade do local, ao mesmo tempo em que trazem uma nova perspectiva sobre nossos tempos”.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x