13 de Abril de 2024

Dólar

Euro

Economia

Jornal Primeira Página > Notícias > Economia > Indústria paulista cria 26,5 mil empregos em abril

Indústria paulista cria 26,5 mil empregos em abril

15/05/2013 11h04 - Atualizado há 11 anos Publicado por: Redação
Indústria paulista cria 26,5 mil empregos em abril

A indústria paulista criou 26,5 mil postos de trabalho em abril na comparação com o quadro de funcionários verificado em março, mostrou pesquisa da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) nesta terça-feira, 14, em meio a expectativas das entidades de recuperação mais tímidas do emprego no setor manufatureiro bem como na atividade industrial.

 

O nível de emprego industrial na diretoria regional do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) em São Carlos (região composta por 13 municípios) apresentou resultado positivo no mês de abril. A variação ficou em 2,32%, o que significou um acréscimo de aproximadamente 900 postos de trabalho.

No ano, temos um acumulado de 6,01%, representando um acréscimo de aproximadamente 2.250 postos de trabalho. Nos últimos 12 meses, o acumulado é de 1,39%, representando um aumento de aproximadamente 550 postos de trabalho.

Segundo Paulo Francini, diretor do Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos (Depecon), a Fiesp e o Ciesp devem revisar para baixo as projeções de crescimento para a atividade industrial, o emprego na indústria e para o Produto Interno Bruto (PIB).

“Na verdade, o ano 2013 chegou com um grau de recuperação menor do que o que estava sendo esperado. As previsões, sem exceção, têm sido revisadas para números menores e a nossa não vai fugir da regra”, afirmou Francini.

 

Em seis anos este foi o pior abril na empregabilidade da indústria

O resultado de abril foi o pior da série, iniciada em 2006, No acumulado do ano foram gerados pela indústria paulista 60 mil empregos, com um crescimento de 2,34%. Apesar de positiva, a taxa de criação de vagas do mês continua apresentando o menor desempenho desde 2006, início da pesquisa, com exceção da crise de 2009, quando o índice apurou perdas de 1,30% no acumulado daquele ano, e de 2012, quando a leitura apontou ganhos de 0,70% para o mesmo período.

Nos últimos 12 meses foram fechados 12 mil postos de trabalho, ou seja, um recuo de 0,46% em relação a abril de 2012.

“Uma recuperação vem ocorrendo no mesmo tom e ritmo da indústria: moderado”, avaliou o diretor do Depecon. “Isso faz com que continuemos com uma visão positiva de 2013 menos pelo mérito do ano e mais pela grande queda ocorrida em 2012”, completou Francini.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x