23 de Maio de 2024

Dólar

Euro

Economia

Jornal Primeira Página > Notícias > Economia > Região perde 2.500 vagas na indústria

Região perde 2.500 vagas na indústria

Entre 2012 e 2021, São Paulo teve redução de 388.031 empregos industriais, diminuição de 17,8% causada avanços tecnológicos e realocaç

09/05/2024 00h56 - Atualizado há 2 semanas Publicado por: Redação
Região perde 2.500 vagas na indústria CNI/José Paulo Lacerda/Direitos Reservados

Marco Rogério 

Uma pesquisa realizada pela Fundação SEADE revela que entre 2012e 2021, a indústria da Região Central reduziu o número de empregados de 81.052 pra 78.511. A região gerava 3,7% do emprego paulista em 2012. Em 2021 este volume avançou para 4,4% por conta da redução de vagas em outras regiões.

Entre 2012 e 2021, o Estado de São Paulo teve redução de 388.031 empregos industriais, diminuição de 17,8% que pode ser atribuída a uma combinação de avanços tecnológicos e realocações estratégicas de operações industriais para outros estados.

A Região Metropolitana de São Paulo – RMSP, que concentrava 38,5% dos empregos industriais em 2012, teve a sua participação reduzida para 32,4% em 2021, perda de aproximadamente 259 mil postos de trabalho. A RA de Campinas, embora tenha aumentado sua participação de 24,4% para 26,5%, perdeu cerca de 55 mil empregos, assim como a RA de Sorocaba, que aumentou sua participação de 7,5% para 8,7%, embora tenha diminuído em 8.796 o número de empregos.

De acordo com o porte populacional dos municípios, aqueles com mais de 1 milhão de habitantes experimentaram uma redução na participação dos empregos industriais, que caíram de 22,0% em 2012 para 16,3% em 2021, enquanto os municípios com mais de 500 mil até 1 milhão de habitantes passaram de 9,8% para 8,9%.

Por outro lado, aqueles com população entre 20 mil e 50 mil habitantes viram sua participação aumentar de 10,1% para 12,6% e cidades menores, com população entre 5 mil e 10 mil habitantes, tiveram aumento na participação de 1,7% para 2,0%. Os municípios na faixa de 100 mil a 200 mil habitantes mantiveram uma participação estável (de 15,4% para 15,5%), o mesmo ocorrendo nas cidades na faixa de 200 mil até 500 mil (de 25,5% para 25,1%).

Entre os municípios, a maior perda de empregos ocorreu na capital (-149.433 empregos), seguida por Guarulhos (-20.650), Diadema (-18.598), Campinas (-17.598) e São Bernardo do Campo (-17.595).

 

SÃO CARLOS – O município de São Carlos possui, segundo o Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) do Ministério do Trabalho e Emprego, um estoque de 80.124 empregos formais, com carteira assinada e que tem todos os direitos previstos na CLT (Consolidação das Leis do Trabalho).

Deste montante, de acordo com a pesquisa de dezembro de 2023, o setor de serviços emprega 36.909 trabalhadores. A indústria aparece em segundo lugar, com 21.217 empregos de estoque. Em seguida vem o comércio, que garante ocupação a 16.047 são-carlenses. Estes três setores, somados, representam 93% dos empregos formais existentes na economia local.

Os outros dois setores são a agropecuária, que tem estoque de 2.708 empregos e a construção, que mantém outros 3.243 funcionários trabalhando, completando os 7% restantes.

De acordo com dados da Fundação Seade (2021), serviços responde por 60,7% do PIB municipal. Em seguida vem a indústria, com 24,7% e a agropecuária com apenas 1,38%. O salário médio de São Carlos é de R$ 3.814,00. O Valor Adicionado (VA) de São Carlos é formado por 58,6% de serviços, 28,4% da indústria e 1,59% da agropecuária.

 

Análise

De acordo com o economista, Jaime Vasconcellos, assessor econômico da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), o mercado de trabalho acompanha as mudanças e tendências do próprio crescimento econômico, seja de um município, estado ou federação. O que ocorreu em São Carlos, onde houve um crescimento significativo do mercado de trabalho do setor de serviços (+8,1%), em detrimento a uma estagnação dos empregos na indústria de transformação (-0,3%), é compatível ao próprio cenário do Estado de São Paulo e Brasil nos últimos dez anos”, afirma ele.

 

 

Empregos industriais, segundo regiões administrativas

Estado de São Paulo, 2012-2021

 

Regiões administrativas                                              2012                      2021

Empregos           Participação (em %)                       Empregos           Participação (em %)

Total      2.182.375            100,0                     1.794.344                                                        100,0

RA Central                          81.052                  3,7                         78.511                                  4,4

RA de Araçatuba             52.804                  2,4                         38.771                                  2,2

RA de Barretos                 21.172                  1,0                         24.332                                  1,4

RA de Bauru                      72.659                  3,3                         64.682                                  3,6

RA de Campinas              531.624 24,4                       475.972                26,5

RA de Franca                     57.908                  2,7                         49.766                                  2,8

RA de Itapeva                   11.181                  0,5                         12.688                                  0,7

RA de Marília                    39.387                  1,8                         44.355                                  2,5

RA de P. Prudente          32.425                  1,5                         28.692                                  1,6

RA de Registro                 1.953                     0,1                         2.209                                    0,1

RA de Ribeirão Preto     74.248                  3,4                         70.503                                  3,9

RA de Santos                    15.954                  0,7                         11.712                                  0,7

RA de S. J. Rio Preto       84.189                  3,9                         75.466                                  4,2

RA de S. J. dos Campos 101.533 4,7                         80.189                                  4,5

RA de Sorocaba                               164.768 7,5                         155.972                8,7

RM de São Paulo             839.518 38,5                       580.524                32,4

 

 

 

 

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x