17 de Junho de 2024

Dólar

Euro

Esporte

Jornal Primeira Página > Notícias > Esporte > Ainda não definiu o companheiro de Heleno

Ainda não definiu o companheiro de Heleno

11/08/2011 13h13 - Atualizado há 13 anos Publicado por: Redação
Ainda não definiu o companheiro de Heleno

Thiago HelenoEm entrevista coletiva concedida na manhã desta quarta-feira (10), durante evento realizado na Loja Oficial do Palmeiras, o técnico Luiz Felipe Scolari praticamente confirmou a presença de Patrik no lugar de Valdivia, que está servindo a seleção chilena, e manteve uma única dúvida entre quem será o companheiro de zaga de Thiago Heleno para o duelo desta quinta-feira, contra o Vasco, em São Januário, na estreia da equipe na Copa Sul-Americana.

“Treinei as duas formações no treino desta terça e hoje (quarta-feira) vou fazer isso novamente. Não tenho motivos para escolher isso agora. Ainda quero estudar algumas coisas em relação ao Vasco e estou bastante seguro sobre quem serão os titulares para defesa. Todos estão em ótimas condições”, afirmou. “Para o lugar do Valdivia, devo optar pelo Patrik. Ele sabe fechar bem os espaços e ajuda bastante os jogadores de frente”, completou.

Para o treinador palmeirense, não existe vantagem em encarar o Vasco duas vezes seguidas na mesma semana justamente pelo fato da Copa Sul-Americana e do Campeonato Brasileiro serem diferentes. “São campeonatos distintos, pois a Sul-Americana é mata-mata, são apenas dois jogos e tem a questão de fazer gols fora de casa. Já o Brasileiro é de pontos corridos e tem uma sequência, não se decide tão rapidamente. Vamos procurar montar a aquipe tentando usufruir do regulamento que a competição permite”, comentou o treinador, que pretende manter a mesma postura independentemente do rival.

“Se fosse um adversário estrangeiro, também deveríamos seguir o mesmo regulamento e a mesma filosofia. Não vamos impor uma característica diferente daquilo que sabemos jogar. O Vasco tem um time fantástico e deveremos ter dois grandes jogos. Mas não pretendo mudar nada do que venho fazendo.”

Felipão mais uma vez reiterou que, por enquanto, vai tentar priorizar as duas disputas sem medo de ter consequências negativas, como lesões e o desgaste com os jogadores. “Temos uma estrutura fantástica e não temos motivos para ficar com receio de nada. Nosso elenco consegue suportar, pelo menos agora. A ideia é continuar trabalhando forte no Campeonato Brasileiro para permanecer entre os primeiros, mas sem esquecer da Sul-Americana. As duas nos levam aquilo que queremos no final do ano, que é a vaga para a Copa Libertadores.” {jcomments on} 

Foto: Piervi Fonseca/Agif/AE

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x