25 de Junho de 2024

Dólar

Euro

Esporte

Jornal Primeira Página > Notícias > Esporte > Palmeiras bate Corinthians de virada

Palmeiras bate Corinthians de virada

28/08/2011 21h15 - Atualizado há 13 anos Publicado por: Redação
Palmeiras bate Corinthians de virada

Luan faz uma comemoração diferente ao marcar seu gol no clássico vencido pelo PalmeirasDepois de vencer o Vasco, mas sofrer a eliminação na Copa Sul-Americana, o Palmeiras enfrentou o líder Corinthians, na tarde deste domingo, pela 19ª rodada do Brasileirão no estádio Eduardo José Farah, em Presidente Prudente. O Verdão se reabilitou com uma vitória por 2 a 1, de virada e realizou uma boa partida. Destaque para o estreante Fernandão. O atacante fez o gol da vitória palmeirense

A derrota não tirou o Timão da liderança do Brasileirão, conquistando o título simbólico do primeiro turno, com 37 pontos. O Verdão foi a 32, ainda fora do G4, mas diminuiu a diferença para os primeiros colocados.

A primeira chance do jogo foi do Corinthians, em cobrança de falta, que Leandro Castán colocou pela linha de fundo. O Verdão também arriscou primeiro na bola parada, com Chicão afastando. Aos cinco, Jorge Henrique bateu falta e Wallace colocou para fora.

Aos sete, Emerson, no contra-ataque, bateu de longe e Marcos fez a defesa. No minuto seguinte, em boa jogada pela direita, a bola foi cruzada por Patrik e Kléber quase abriu o placar em gol de cabeça. Depois, Luan foi lançado e bateu cruzado para a área, mas ninguém apareceu para completar.

Kléber foi lançado, invadiu a área e bateu para a defesa do goleiro corintiano. O Timão respondeu em falta de Chicão, que Marcos tirou de soco.

Aos 18, o Corinthians teve boa chance, mas Marcos defendeu. No rebote, o Timão ficou com a bola e Emerson bateu cruzado no canto do goleiro palmeirense para abrir o placar.

O Palmeiras tentou partir para o ataque depois do gol, e Thiago Heleno teve a chance do empate em cobrança de falta, mas Júlio César fez a defesa. Aos 31, Patrik foi substituído por Fernandão, que estreou com a camisa palmeirense.

Três minutos depois, Luan empatou a partida. Após cobrança de escanteio, Júlio César espalmou, a bola bateu em jogador do Verdão e sobrou para o camisa 11 bater de primeira para o fundo das redes.

Luan voltou a tentar aos 37, após cruzamento da direita de Valdívia. Ele dominou na área, tirou Wallace da jogada, mas acabou chutando em cima de Leandro Castán. O Verdão intensificava a pressão sobre o Corinthians, que pouco se arriscava ao ataque depois de marcar o gol.

Nos minutos finais, o Timão ensaiou uma pressão sobre o Palmeiras, mas o Verdão seguia pressionando e teve boa chance com Luan, aos 45, que Júlio César caiu para fazer a defesa.

O segundo tempo começou e Fernandão fez a jogada e Luan tentou o cruzamento, mas longe do gol. Emerson, aos cinco minutos, recebeu e bateu cruzado, com a bola passando em frente ao gol de Marcos.

O Palmeiras marcou  o gol da virada aos sete minutos, com o estreante Fernandão. Marcos Assunção lançou a bola para a área, Fernandão ficou sem marcação, matou no peito e bateu forte para anotar o segundo do Verdão na partida.

O Corinthians tentou partir para cima, enquanto que o Palmeiras intensificava a marcação. O jogo se tornou mais equilibrado e disputado no meio-de-campo, com muitas faltas. Emerson, aos 22, bateu de longe, mas por cima do gol de Marcos.

Aos 24, o Timão teve boa chance em chute de Emerson, mas a bola ficou com o goleiro palmeirense. O alvinegro subia mais para o ataque, tentando achar espaço para empate. O Palmeiras respondeu com Marcos Assunção, que bateu falta para as mãos de Júlio César.

Luan fez grande jogada aos 34, mas na hora do chute, bateu longe do gol. O Palmeiras tentava tocar a bola e ir para o ataque, mas o Corinthians marcava atrás da oportunidade para conseguir o gol. Aos 38, o Verdão voltou arriscar em cruzamento de Luan para Valdívia, que Júlio César defendeu.

Nos minutos finais, o Timão seguiu tentando o gol e Liédson bateu de longe aos 43 e Marcos fez a defesa em dois tempos, antes de jogador corintiano chegar para pegar o rebote. Nos minutos finais, o Palmeiras segurou a pressão corintiana até o apito final.

Foto: Cesar Greco/Foto Arena/AE{jcomments on}

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x