17 de Abril de 2024

Dólar

Euro

Miltinho de Carvalho

Jornal Primeira Página > Notícias > Miltinho de Carvalho > Coluna Miltinho de Carvalho – 28/03/2023

Coluna Miltinho de Carvalho – 28/03/2023

28/03/2023 04h54 - Atualizado há 1 ano Publicado por: Redação
Coluna Miltinho de Carvalho – 28/03/2023

Humor Caipira – Cemitério?

Dois caipiras estavam discutindo. Queriam saber como se escreve “cemitério”.

— Óia cumpadre, eu acho que é “cemetério”, porque lá é tudo feito de “cemento”.

— Pois eu acho que é “sumitério”, cumpadre, porque quando nóis vai pra lá nóis “sume”.

 

Mensagem de Gratidão da Semana

E os problemas, as dores, as lágrimas e tropeços são pequenos diante da presença do Senhor.

Gratidão por tudo que tenho!

 

Grupo de Catira de Barretos foi atração no Limeira Rodeo Music

A abertura do Limeira Rodeo Music 2023 foi uma exaltação à Cultura Sertaneja no último dia 24 de março. Além das provas da Liga Nacional de Rodeios e dos shows, a festa teve orquestra de viola, grupo de catira e carro de boi.

O grupo de catira Espora de Prata, de Barretos, viajou para Limeira e se apresentou para o público de toda a região. A atração é formada por seis catireiros e uma dupla que canta para a execução da dança típica do interior paulista. “Por meio das apresentações divulgamos nossa verdadeira cultura caipira”, explica Francisco Santana Junior, um dos catireiros que fundou o grupo há 25 anos.

Francisco tem 51 anos e, com o passar dos anos, inseriu dois netos nas apresentações. O mais novo é Pedro Gambirazi, de 12 anos. “Minha família participa e até meu genro dança no nosso grupo. Somos parceiros do Viola Show há muitos anos e faremos uma linda apresentação em Limeira”, afirma.

A catira é um sapateado combinado com palmas ao ritmo do som da viola caipira. “É uma das danças mais antigas do folclore brasileiro. Exige muita concentração e treino. Viajamos por várias cidades para divulgar essa cultura. Participamos de eventos como rodeios, queima do alho e apresentações em geral”, conta.

Dentre as formações que o grupo Espora de Prata apresentou em Limeira estava a da meia-lua. Nela, os participantes ficam em fila indiana e vão dançando até formarem uma circunferência. Começam então os passos como o conhecido “pula lenço” e o “recorte”, clássicos dessa cultura.

A abertura foi feita pelo influenciador Marcus Cirillo, ídolo no circuito de rodeios, com mais de um milhão de seguidores nas redes sociais. (Fonte: Dinamus Comunicação)

 

Cantinho da Saudade

Zico e Zeca: Os violeiros que traziam na voz a alma do sertão

Antônio Bernardo da Costa (Zico) nasceu em 4 de janeiro de 1931 e Domingos Paulino da Costa (Zeca) nasceu em 12 de setembro de 1932, ambos em Itajobi, interior do estado de São Paulo.
Filhos de Gabriel Paulino da Costa e Maria Rosa. Ao todo o casal teve 13 filhos, mas se criaram 9. São irmãos de outra grande dupla: Liu e Léu; e primos de primeiro grau de Vieira e Vieirinha, pois o pai, o Sr. Gabriel, era irmão de dona Gabriela (mãe de Vieira e Vieirinha).

Família de tradicionais violeiros e cantadores, Zico e Zeca tiveram fortes influências dentro da própria família. O pai tocava viola e cantava. A mãe também cantava e tinha bons violeiros em sua família.

 

Feliz Aniversário, Uai!

Óia só quem está aniversariando neste dia 29 de março de 2023, nosso querido amigo e irmão, o Missionário Rovilson Celense.

Hoje eu queria estar aí onde você está ou que você estivesse aqui onde eu estou. Hoje queria lhe dar um abraço e mais uma vez dizer quanto amo você, meu amigo especial.

Mas mesmo longe, você está sempre no meu coração e no meu pensamento, e ainda que não juntos, hoje celebrarei seu dia especial, mas sei que mesmo com esta distância, nossa amizade durará ainda mais.

Parabéns e muitas felicidades, meu amigo!

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x