28 de Fevereiro de 2024

Dólar

Euro

Polícia

Jornal Primeira Página > Notícias > Polícia > Aposentado cai em golpe e prejuízo ultrapassa R$ 64 mil

Aposentado cai em golpe e prejuízo ultrapassa R$ 64 mil

Golpistas realizaram empréstimos e solicitaram cartões de créditos consignados em nome da vítima

31/01/2024 08h27 - Atualizado há 4 semanas Publicado por: Redação
Aposentado cai em golpe e prejuízo ultrapassa R$ 64 mil Foto: Jean Guilherme

Reportagem: Jean Guilherme

Um aposentado de 64 anos procurou pela Polícia Civil de São Carlos (SP), por intermédio da CPJ (Central de Polícia Judiciária) na manhã da terça-feira (30), a fim de registrar um golpe sofrido por sua pessoa, onde o prejuízo total ultrapassa os R$ 64 mil.

De acordo com a vítima, que relatou residir na Estância Lagoa Dourada, na segunda-feira (29), ele teria recebido através de mensagem SMS em seu celular, um aviso do Banco Mercantil, informando que um pagamento no valor de R$ 2.550,00, teria sido feito em uma rede de lojas através de sua conta bancária, onde na ocasião, no corpo da mensagem havia um contato telefônico, sendo o número 4003-6513, afirmando que se caso a vítima não tivesse realizado a referida compra, para manter contato com um dos atendentes da instituição.

Sem desconfiar do fato, o aposentado ligou para o referido contato, onde a tal ‘atendente’, solicitou que a vítima visualiza-se em seu aplicativo do banco a parte de empréstimos, através do seu aparelho de telefonia celular, onde com orientações fornecidas pelo golpista, o idoso sem saber direito o que estaria fazendo, realizou empréstimos nos valores de R$ 50.846,18 e R$ 6.543,48, além de solicitar por cartões de créditos consignados, onde os prejuízos em tal ocasião foram de uma transação no valor de R$ 3.080,00 e outra de R$ 3.780,00.

Após ter realizado as referidas transações bancárias, a atendente pediu à vítima que observa-se seu extrato da conta, dizendo que haviam valores dos empréstimos que deveriam ser devolvidos, solicitando que fizesse transferências via Pix, passando-lhe duas chaves para tais procedimentos, solicitando que a primeira transferência fosse no valor de R$ 10 mil, para a pessoa de um homem (identificado ao policiamento judiciário), além de outra transação no mesmo valor para a pessoa de outro homem (também identificado ao policiamento judiciário), além de realizar um agendamento de outra transação Pix, para o dia 30 de janeiro, para uma conta bancária em nome de uma mulher (esta também teve seus dados pessoais fornecidos à Polícia Civil).

Acontece, que na mesma data dos fatos, enquanto estaria assistindo televisão, o aposentado assistiu uma matéria falando sobre o referido golpe, onde os procedimentos seriam os mesmos no qual a sua pessoa havia sido orientada a realizar, sendo assim, por meios próprios o aposentado procurou pelo Banco Mercantil, onde um atendente da instituição bancária lhe informou que havia sido vítima da fraude.

Com base nas versões, foi elaborado o registro de Boletim de Ocorrência sobre os fatos, devendo o ocorrido ser investigado.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
1 Comentário
Mais antigas
Mais novos Mais Votados
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
Emy
Emy
25 dias atrás

Minha mãe recebeu a mesma msg, com o mesmo “valor” e mesmo número para ligar. Obrigada pela matéria!

0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x