20 de Abril de 2024

Dólar

Euro

Polícia

Jornal Primeira Página > Notícias > Polícia > Homem é assassinado em residência no Aracy

Homem é assassinado em residência no Aracy

Acusado confessou o ato ao policiamento, sendo detido

15/06/2023 13h56 - Atualizado há 10 meses Publicado por: Redação
Homem é assassinado em residência no Aracy Fotos: Jean Guilherme

Um homem de 45 anos, identificado como Marco Antônio Ramos, foi assassinado no interior de uma residência, na madrugada desta quinta-feira (15), sendo o seu corpo encontrado por uma moradora no início da tarde, no Cidade Aracy.

O fato ocorreu na Rua José Felonta Sobrinho. Segundo o apurado no local dos fatos, a vítima estaria residindo na casa há aproximadamente dois meses, e desde então, uma moradora das proximidades estaria o ajudando e fornecendo refeições, que eram entregues ao mesmo na residência, onde no almoço ao se deslocar até o local e chamar pelo rapaz, a mulher ao não obter resposta ingressou para dentro da moradia, onde se deparou com o corpo caído em meio de uma grande quantia de sangue, desfalecido.

Assustada, de imediato a testemunha via 192 acionou por socorro junto ao SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), como também comunicou o fato via 190 ao COPOM (Centro de Operações da Polícia Militar), onde na chegada da USA (Unidade de Suporte Avançado), a equipe médica constatou que o homem estaria sem vida, e o local bem como o corpo estaria com marcas evidentes de violência.

Na chegada do policiamento, enquanto o caso era discutido entre as equipes e testemunhas, a mulher afirmou que a vítima estaria residindo na companhia de um indivíduo recém-chegado no bairro, onde em tal ocasião, o suspeito foi visto caminhando na via pública e contido pelos PMs, durante os questionamentos afirmou ser menor de idade, possuindo 17 anos, e que ele seria o autor do delito.

Segundo o acusado em suas versões, ele estaria residindo a poucos dias na casa, após a vítima lhe fornecer abrigo, porém no decorrer da madrugada, o rapaz havia tentado abusar de sua pessoa sexualmente, e em ato de defesa ele tomou posse de uma barra de ferro, e desferiu golpes contra a cabeça e face do morador, ocasionando graves ferimentos que o levaram à óbito.

Diante das informações a área do crime foi preservada, sendo o caso comunicado ao delegado de polícia, Caio Iberê Galvão Gobato, que chefiava a equipe da CPJ (Central de Polícia Judiciária), onde a autoridade policial, bem como a equipe da Polícia Científica compareceram ao imóvel, liberando o corpo para a funerária de plantão, ao término dos procedimentos de perícia técnica, que foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal).

Sendo o suposto ‘menor’ e autor do crime apresentado na CPJ, em atuações das equipes foi verificado que ele se tratava de um jovem de 18 anos, sendo então autuado em flagrante delito por homicídio, e recolhido ao Centro de Triagem de São Carlos (SP).

A barra de ferro utilizada para findar a vida da vítima, e que teria sido dispensada em um terreno ao lado da moradia, foi apreendido pelo IC (Instituto de Criminalística).

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x