15 de Abril de 2024

Dólar

Euro

Política

Jornal Primeira Página > Notícias > Política > Gustavo Pozzi congratula ao governador por manter escolas cívico-militares

Gustavo Pozzi congratula ao governador por manter escolas cívico-militares

Governador afirmou que vai criar programa próprio de escolas cívico-militares e ampliará número de unidades no Estado

02/08/2023 16h27 - Atualizado há 9 meses Publicado por: Redação
Gustavo Pozzi congratula ao governador por manter escolas cívico-militares

O vereador Gustavo Pozzi apresentou na Câmara Municipal de São Carlos uma moção de congratulação ao governador do Estado de São Paulo, Tarcísio de Freitas, pela intenção de manter o programa de escolas cívico-militares na rede pública estadual. Conforme destacou o parlamentar, esse programa apresentou vários benefícios para os alunos matriculados nas escolas com essa modalidade de ensino.

O governo federal encerrará o programa nacional, criado em 2019, que implementa o modelo de Escola Cívico-Militar em escolas públicas de ensino regular que possuem baixo resultado no Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) e que atendem estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica, com o objetivo de reduzir a evasão e a violência nas escolas, explicou Gustavo Pozzi. O governador Tarcísio de Freitas afirmou que vai criar um programa próprio de escolas cívico-militares e ampliará o número de unidades no estado.

Conforme afirmou o vereador, uma matéria publicada no site do governo federal apontou que, nessas escolas, a violência física foi reduzida em 82%, a violência verbal diminuída em 75% e a violência patrimonial em 82%. A mesma notícia diz que a evasão e abandono escolar diminuíram em quase 80%.

Em uma pesquisa realizada na comunidade escolar com aproximadamente 25 mil pessoas, citou Gustavo Pozzi, cerca de 85% responderam satisfatoriamente ao ambiente escolar após a mudança para o modelo  Programa de Escola Cívico-Militar.

A moção, votada nesta terça-feira (1º) em sessão da Câmara, teve apenas um voto contrário, que foi da vereadora Raquel Auxiliadora, filiada ao Partido dos Trabalhadores (PT), mesmo partido do presidente Lula, apontou o parlamentar.

Em sua fala, Gustavo Pozzi afirmou: “Como professor da rede pública estadual, diante do sucesso dessa modalidade de ensino, gostaria muito de ser professor de uma Escola Cívico-Militar”.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x