16 de Junho de 2024

Dólar

Euro

Política

Jornal Primeira Página > Notícias > Política > Prefeitura planejou Zavaglia

Prefeitura planejou Zavaglia

22/09/2011 11h06 - Atualizado há 13 anos Publicado por: Redação
Prefeitura planejou Zavaglia

Newton Lima, Ministra Mirian, Barba e João MullerA Prefeitura Municipal de São Carlos, por meio de Progresso e Habitação –Prohab S/A, apresentou à reportagem do jornal Primeira Página todo planejamento realizado pela atual administração para instalar os equipamentos públicos no Residencial Deputado José Zavaglia, que está beneficiando mil famílias e tem a expectativa de abrigar aproximadamente 4 mil pessoas.  O diretor-presidente da Prohab, João Batista Muller, lembrou que um empreendimento deste porte exigiu do governo municipal inúmeras reuniões com diversas áreas de prestação de serviços públicos e ações que pudessem oferecer aos moradores daquela região atendimento na educação, saúde, assistência social, transporte, esporte e lazer entre outros.

Muller destacou que, na história da habitação social de São Carlos, não se viu um empreendimento que nascesse dotado com toda infraestrutura – água, esgoto, energia, iluminação, guias e sarjetas, asfalto e acesso – como foi o Zavaglia. Disse ainda que é só comparar com as demandas que ainda temos em relação ao São Carlos VIII, Santa Angelina, Gonzaga, entre outros bairros, os quais são das décadas de 1980.

As famílias que mudarem para o residencial, de imediato, serão atendidas em equipamentos públicos localizados em seu entorno. Na unidade básica de saúde do Botafogo ou no PSF do Antenor Garcia, nas escolas do Aracy II – Artur Natalino Derigge, Marivaldo Carlos Degan. As mães que optarem pela manutenção de seus filhos na escola atual terão transporte gratuito, oferecido pela Secretaria de Educação.

De acordo com Muller, o prefeito Barba planejou um conjunto de obras e serviços dentro do residencial para atender, a partir do primeiro semestre do ano que vem, todas as famílias com prestação de serviços o mais próximo possível de suas casas.

Investiu quase R$ 3 milhões no acesso pelo Botafogo, autorizou a licitação do acesso pelo Antenor Garcia, estimado em R$ 400 mil; conseguiu em parceria com a ONG Sal da Terra a construção de um Minicentro da Juventude com salas para qualificação, atendimento social, programa de inclusão digital, esporte e lazer; está licitando uma escola infantil, por meio do programa pró-infância do Ministério da Educação, também licitará um PSF (prédio para o Programa de Saúde da Família) e doou ao Estado uma área para construção de uma escola de ensino fundamental.

O projeto prevê ainda um eixo comercial e já recebe a construção de supermercado. Estuda-se ainda a instalação de um ecoponto para receber resíduos sólidos da construção civil, no descarte de até 1 m³. Outro serviço importante é o transporte público. Desde maio já foram definidas as linhas de ônibus que vão atender o bairro de meia em meia hora.

“Seria uma irresponsabilidade criar um novo bairro sem infraestrutura, prevista no Plano Diretor Municipal e sem um planejamento de prestação de serviços públicos. A conduta do atual governo tem sido de investir muito na habitação social, corrigindo inclusive deficiências em empreendimentos que nasceram sem estrutura. Com certeza o Zavaglia é um exemplo para todo país, como destacou a Ministra Miriam Belchior”, concluiu João Muller.{jcomments on}

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x