23 de Maio de 2024

Dólar

Euro

Política

Jornal Primeira Página > Notícias > Política > Procuradoria de Justiça mantém celular de Secretária de Saúde em poder da CPI

Procuradoria de Justiça mantém celular de Secretária de Saúde em poder da CPI

De acordo com a Procuradora, Jôra não trouxe provas robustas

20/09/2022 13h51 - Atualizado há 2 anos Publicado por: Redação
Procuradoria de Justiça mantém celular de Secretária de Saúde em poder da CPI

A Procuradora de Justiça, Ana Maria Napolitano de Godoy, negou recurso apresentado pela Secretária de Saúde, Jôra Porfírio, e manteve o celular corporativo da Secretária em posse da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) aberta pela Câmara para investigar uma possível interferência política em uma licitação de R$ 53 milhões da Prefeitura.

De acordo com a Procuradora, Jôra não trouxe provas robustas em contrário e a ata notarial demonstra que a mesma entregou livremente o chip do celular corporativo. Ressaltou também não haver prova de que seu e-mail pessoal seja ofuscado com a referida busca do aparelho corporativo.

O aparelho celular foi entregue por Jôra à CPI durante oitiva realizada em 03 de agosto. De acordo com o vereador Paraná Filho (PSB), presidente da CPI, o conteúdo das mensagens do celular corporativo da Secretária de Saúde é bombástico.

A partir do conteúdo das mensagens, que foram registradas em atas notariais junto ao cartório, uma nova CPI deverá ser aberta na sessão desta terça-feira (23). Os vereadores irão investigar o possível fornecimento irregular de medicamentos de alto custo, através da Secretaria de Saúde, ao Prefeito Airton Garcia e a utilização indevida dos bens públicos por ele e pela primeira-dama, Dra. Rosária Mazzini Cunha, desde janeiro de 2021. O pedido de abertura da CPI já tem as sete assinaturas necessárias para ter andamento.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x