20 de Abril de 2024

Dólar

Euro

Política

Jornal Primeira Página > Notícias > Política > São Carlos receberá 50 moradias do Minha Casa Minha Vida, prevê governo Lula

São Carlos receberá 50 moradias do Minha Casa Minha Vida, prevê governo Lula

A cidade deverá ser contemplada com obras e investimentos em outras áreas

13/08/2023 21h35 - Atualizado há 8 meses Publicado por: Redação
São Carlos receberá 50 moradias do Minha Casa Minha Vida, prevê governo Lula Foto: Ricardo Stuckert / Presidência da República / Agência Brasil / Reprodução

O Governo Federal, atualmente chefiado por Lula (PT), prevê a construção de 50 novas moradias em São Carlos, através do Programa Minha Casa Minha Vida. O anúncio foi feito na última sexta-feira (11), durante o lançamento do Novo Programa de Aceleração de Crescimento (Novo PAC).

A cidade deverá ser contemplada com obras e investimentos em outras áreas, tais como: conclusão do Hospital Universitário da UFSCar (HU-UFSCar), compra de itens para pesquisa para as unidades da Embrapa e ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) e Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Monjolinho.

PROGRAMA-Com previsão total de R$ 1,7 trilhão em investimentos públicos e privados, o novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) foi lançado nesta sexta-feira (11) em uma cerimônia no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e ministros.

Os principais objetivos do programa são gerar emprego e renda, reduzir desigualdades sociais e regionais e acelerar o crescimento econômico. Segundo o governo, as ações do programa estão comprometidas com a transição ecológica, a neoindustrialização, o crescimento com inclusão social e a sustentabilidade ambiental.

Do total de recursos para o novo PAC, R$ 371 bilhões virão do Orçamento Geral da União. O setor privado entra com R$ 612 bilhões. As empresas estatais vão aportar R$ 343 bilhões, especialmente a Petrobras, e mais R$ 362 bilhões virão de financiamentos. A previsão é que R$ 1,4 trilhão sejam aplicados até 2026 e o restante após essa data.

Com informações da Agência Brasil.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x