25 de Fevereiro de 2024

Dólar

Euro

Torpedos

Jornal Primeira Página > Notícias > Torpedos > Torpedos

Torpedos

Confira a coluna política mais polêmica de São Carlos e região

21/07/2022 00h10 - Atualizado há 2 anos Publicado por: Redação
Torpedos

Sessão

Hoje, será realizada a 5ª Sessão Extraordinária. Está previsto a votação de 07 projetos de lei ordinária e o projeto de resolução dos vereadores, para encerrar o recesso legislativo de julho de 2022. A expectativa é que na terça-feira (26) já ocorra uma sessão ordinária.

 

Audiência

Já está programado também, para a terça-feira (26), a realização de audiência pública para tratar sobre a Poluição Sonora em São Carlos, a partir de 18h30. A Rádio São Carlos AM 1450 irá transmitir ao vivo.

 

Preocupação

Há uma grande preocupação entre os vereadores com o andamento da Prefeitura, pois há uma avaliação de que a cidade está paralisada em diversos setores.

 

Preocupação 2

A área da Saúde é a que mais preocupa, com constantes reclamações por parte da população. Há uma ansiedade para que soluções sejam adotadas o quanto antes.

 

Esquecidos

Após tomar conhecimento da realização da reunião do Secretariado pela coluna Torpedos, alguns titulares de pastas, que não foram convidados, ficaram preocupados e querendo saber o motivo de terem ficado de fora. Vai entender…

 

Convenção

Amanhã (22), acontece a convenção estadual do PSD em São Paulo. Na oportunidade, o partido irá confirmar a candidatura a deputado estadual de Luis Antônio Panone. Boa sorte na empreitada!

 

Extra

A edição extra do Diário Oficial, na última terça-feira (19), apenas trouxe a publicação de leis ordinárias e Decretos sancionados pelo Prefeito Municipal.

 

Calote à caipira 1

E a coisa anda feia lá pelos lados de Itirapina. A prefeita Dona Graça Zucchi de Moraes (PSDB) há dois meses não repassa os recursos para a APAE (Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais), apesar de existir um convênio entre Prefeitura e a entidade social.

 

Calote à caipira 2

Sem recursos, a presidente da entidade, Ereni Bacciotti Rossler, foi obrigada a suspender temporariamente serviços essenciais às crianças e jovens especiais, como ecoterapia, fisioterapia, terapia ocupacional, psicologia e psiquiatria, entre outros.

 

Desculpa esfarrapada

A desculpa esfarrapada da prefeita, que, inclusive, se gaba de ser uma grande educadora, seria que a direção da APAE não estaria prestando contas. Mas, de acordo com Ereni, todas as contas foram prestadas de forma correta.

 

Politicagem

A razão mais óbvia para a retaliação de Dona Graça contra a APAE seria perseguição política. Isso ocorreria porque a presidente Ereni é tia de Marileila Bacciotti, ex-vereadora e ex-esposa do ex-prefeito José Maria Cândido (MDB). Ereni, inclusive, teria apoiado a candidato de Ruy Gomes, que concorreu com Dona Graça nas eleições de 2020.

 

Homenagem

Ao invés de perseguir a presidente Ereni, Dona Graça, como educadora, deveria homenagear a presidente da APAE, Ereni. Além de realizar um trabalho voluntário e competente à frente da APAE, Ereni reergueu a entidade e devolveu à APAE a credibilidade que havia perdido por conta de gestores do passado.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x